Realizada Missa de um mês de falecimento de Newton Menezes

You are currently viewing Realizada Missa de um mês de falecimento de Newton Menezes

Nesta quinta-feira (18), às 17 horas, na Igreja Nossa Senhora da Glória, no Largo do Machado, Zona Sul do Rio de Janeiro, foi realizada Missa de um mês de falecimento do ex-2º Vice-Presidente da Conape, Newton de Almeida Menezes.

A Missa foi celebrada pelo Padre Denis, e contou com as presenças da viúva do saudoso Sr. Menezes, Arilda Vieira Barradas Barradas, familiares e amigos.

Em memória de Newton Menezes, publicamos a seguir um de seus últimos escritos (Ausentes Incuráveis), no qual ele lamentou a perda de grandes amigos.


Ausentes incuráveis

Por Newton Menezes*

Mal eu me esforçava para superar a perda de dois dos maiores e grandes amigos – Rogério e Stélio, irmãos e companheiros dos remotos tempos de nossas divergências. Depois mudamos como o mundo e nos unimos num único sentimento e desejo.
Não cheguei a superar, levei outra porrada. A de um amigo de infância: José de Oliveira Luiz – o Zé do Rio, o meu adorável “anarquista”, quando juntos fomos colaboradores na edição do “Primeiro Guia de Ruas” de Duque de Caxias, o Guia Rex do saudoso e emérito jornalista Manoel Valadão.

Também a lembrança do furo: “A Rumbera Ninon Sevilha visita Joãozinho da Gomeia”. Os focas Menezes e o Zé com seu flash e o jornal do Valadão.

Belos tempos. São incuráveis ausências. Ainda mais com essa guerra injusta, como toda, que ceifa a vida humana, cuja responsabilidade cabe ao Biden e a sua retrógrada OTAN, que estimularam o ancestral desejo do Pan-Russismo. Momentos que ajudam a minha vida que também se esvai. É duro suportar as incuráveis ausências.

Compartilhe...